A Fábrica de Software

A Fábrica de Software é um órgão complementar vinculado ao Instituto de Informática, um ambiente profissional de produção de software, alojado em um ambiente educacional, com atribuições técnico-científicas relacionadas a software para apoio a atividades de ensino, pesquisa, extensão e gestão universitária.

As atribuições da Fábrica compreendem planejamento, administração, operação, manutenção e evolução de um ambiente tecnológico adequado para produção e sustentação de software de alta qualidade.

A Fábrica disponibiliza e mantém, dentro do ambiente acadêmico do Instituto de Informática, uma infraestrutura profissional para produção e sustentação de software, reunindo as melhores práticas aplicadas pela indústria de software às teorias e inovações geradas pela universidade.

As atividades da Fábrica são desenvolvidas por equipes técnicas multidisciplinares orientadas por processos de software definidos e institucionalizados pela Fábrica, em alinhamento com os planejamentos institucionais do INF e da UFG.

História

A Fábrica de Software foi concebida em 2009 como um dos pilares para o Projeto Pedagógico do primeiro curso de graduação em Engenharia de Software no Brasil, o Bacharelado em Engenharia de Software da UFG.

A formalização da Fábrica de Software ocorreu na reunião extraordinária do Conselho Diretor do Instituto de Informática da UFG realizada no dia 02/03/2010, quando foi aprovada a criação da Fábrica de Software.

Nessa data, o professor Fábio Nogueira de Lucena foi indicado para a coordenação da Fábrica de Software e exerceu essa coordenação até o primeiro semestre de 2012. Sob a coordenação do professor Fábio foram criadas as bases para o funcionamento da Fábrica, incluindo as principais políticas e processos organizacionais e a definição da infraestrutura necessária para a operação da Fábrica.

Em agosto de 2012, o professor Juliano Lopes de Oliveira assumiu a coordenação da Fábrica de Software. Dando continuidade ao trabalho iniciado pelo professor Fábio, os processos da Fábrica foram detalhados e aplicados em projetos. A Fábrica recebeu seus primeiros colaboradores permanentes, e a equipe foi estruturada para ampliar a forma de atuação da Fábrica junto ao INF.

Em maio de 2017, a Fábrica foi convertida em um órgão complementar do INF, com regimento próprio aprovado pelo Conselho Diretor do Instituto de Informática. Desde então a Fábrica atua, principalmente, no desenvolvimento e sustentação de sistemas de informação para o Instituto de Informática e no apoio a projetos de ensino, pesquisa e extensão que envolvem construção ou adaptação de software.

Objetivos

O principal objetivo é prover, por meio da prestação de serviços, soluções eficientes e inovadoras para atividades que envolvem pesquisa, desenvolvimento, avaliação ou uso de tecnologias e processos de software.

Os serviços de software prestados pela Fábrica promovem inovação e integração entre ensino, pesquisa, extensão e gestão universitária e contemplam desde atividades simples e de curta duração até a realização de projetos complexos de software.

Por exemplo, a Fábrica pode atuar em projetos cujo escopo envolve apenas uma fase do ciclo de vida de software (Requisitos, Projeto, Construção e Testes) e também pode atuar em projetos que envolvem a realização de todo o ciclo de vida de desenvolvimento e manutenção de software.

Para realizar esses serviços a Fábrica planeja, administra, opera, mantém, evolui e disponibiliza um ambiente tecnológico adequado para produção e sustentação de software de alta qualidade. Esse ambiente promove a qualificação dos participantes nos projetos e esse é também um objetivo da Fábrica: contribuir para a maturidade e o aperfeiçoamento dos profissionais de software.

Os serviços de software prestados pela Fábrica contemplam desde a execução de atividades simples e de curta duração até a realização de projetos complexos de software.

Ensino

A Fábrica apoia atividades práticas de ensino em disciplinas relacionadas a software, contribuindo para o amadurecimento profissional do discente, disponibiliza para atividades de ensino um ambiente de trabalho análogo aos ambientes tipicamente utilizados pela indústria de software, fornece suporte técnico a docentes e discentes envolvidos em atividades de ensino que usam recursos tecnológicos da Fábrica e oferece oportunidades para realização de estágios, trabalhos de conclusão de curso, monografias, dissertações e teses relacionadas a software.

Também está entre os objetivos da Fábrica a consolidação do INF como centro de excelência nacional na formação profissional em software.

Pesquisa

A Fábrica de Software promove pesquisa e desenvolvimento de processos, métodos, ferramentas e tecnologias inovadoras envolvendo sistemas intensivos em software, estabelece parcerias com instituições que sejam referência em sua área de atuação, visando intercâmbio de experiências e conhecimentos, provê infraestrutura adequada para a realização de experimentos científicos e de atividades de pesquisa envolvendo software e fornecer suporte a atividades de pesquisa que demandam recursos tecnológicos de software.

Extensão

A Fábrica contribui para o atendimento de demandas da comunidade local por produtos e
serviços baseados em software fomenta a indústria de software por meio do repasse de tecnologias e da oferta de
produtos e serviços relacionados a software, promove a transferência de conhecimento gerado na academia por meio da capacitação e aperfeiçoamento de profissionais da área de software e disponibiliza soluções de software para apoiar ações de caráter comunitário e em benefício da sociedade.

Gestão

São objetivos específicos da Fábrica analisar, projetar e construir software de qualidade para atender necessidades de sistemas de informação estratégicos para a gestão universitária, sustentar sistemas de software, efetuando sua manutenção corretiva e evolutiva, e provendo suporte técnico aos seus usuários, monitorar e manter a segurança da informação nos sistemas sob sua responsabilidade, garantindo disponibilidade, confiabilidade e integridade das informações, apoiar o INF na definição e evolução de políticas relacionadas a software e zelar pelo
cumprimento dessas políticas e gerenciar ativos de software do INF, realizando aquisição, sustentação, migração e,
quando necessário, descontinuação do uso desses softwares.

Apesar de fomentada em ambiente acadêmico e suas equipes compostas também por alunos, existem processos que regem o desenvolvimento do produto de software, propiciando um ambiente mais maduro e disciplinado.

Futuro

O principal desafio para a Fábrica é atender bem a comunidade do Instituto de Informática em relação às suas necessidades de software e sistemas de informação baseados em software. Nesse sentido, a Fábrica deverá trabalhar para ser reconhecida pelos membros dessa comunidade como uma entidade cujos serviços possuem qualidade e agregam valor ao Instituto de Informática.

Além disso, a Fábrica precisa ser autossustentável e para isso deverá ampliar o seu catálogo de serviços para criar oportunidade de captação de recursos.