Especialização em Design de Sistemas
e Soluções de Business Intelligence

Em direção ao Self-Service BI & Analytics


Goiânia, 03/08/2017
Esp. em Design de Sistemas e Soluções de Business Intelligence
Eliomar Araújo de Lima

O grande objetivo dos sistemas de business intelligence é acabar com o “achismo” ou “empirismo”. As soluções de BI visam subsidiar os agentes de tomada de decisão com conhecimentos bem elaborados. O conhecimento nos faz mais inteligentes; pessoas e empresas que aprendem. Até a metade do século 19 não se usava conhecimento na indústria, somente nas Ciências. Assim como o conhecimento científico mudou o paradigma da Ciência na idade média, o uso intensivo de conhecimento acelerou inovações e permitiu à indústria aproveitar os que as metodologias científicas ensinavam nas ciências, fazendo a prática da indústria menos empírica.

A busca por padrões também é objetivo do BI. No oceano de dados, é preciso tentar encontrar uma ordem para que os dados possam fazer sentido e serem úteis. Uma base de clientes onde não conseguimos identificar quem é nosso cliente, o que ele quer, quais suas características, não serve para nada além de confundir. Cabe, portanto, à própria Organização promover as suas análises, de modo a compreender suas realidades antes de iniciar o projeto de BI.

Em meio às turbulências e incertezas que se encerram no âmbito corporativo, uma variedade de usuários – incluindo executivos, analistas, usuários de negócios, clientes e desenvolvedores – necessitam cada vez mais tomar decisões melhores e mais rápidas. É preciso prover o acesso direto ao conteúdo analítico relevante em tempo real para que esses usuários possam habilitar a empresa em resposta às demandas intempestivas e emergenciais. Para tanto, a adoção dos modelos de análise de autoatendimento para inteligência de negócio (do inglês, self-service BI & analytics-S2BIA) é um passo importante nessa direção.

Superar a fila de esperapor soluções de inteligência de negócio com informações em tempo real, preparando sua estratégia de dados de autoatendimento e mantendo-se a par dos grandes desafios de dados para sistemas chave como ERP e CRM, é o desafio que se apresenta em um horizonte muito próximo.

Com a introdução das tecnologias de S2BIA é possível fornecer aos usuários de negócio exatamente o que eles necessitam, quando e como eles precisam. Por meio da implantação de uma plataforma de análise e aplicativos corporativos, as soluções de S2BIA oferecem um amplo repertório de recursos para satisfazer a mais ampla gama de requisitos de informação.

O ponto de partida, todavia, é introduzir o modelo de análise S2BIA como parte de uma estratégia corporativa de alcance mais amplo que combina abordagens tradicionais para análise com painéis, descoberta de dados, aplicativos analíticos autocontidos e outras capacidades de análise de autoatendimento para inteligência de negócio. Com isso, os usuários de negócio avançados poderão realizar análises altamente complexas ou multifacetadas, até mesmo publicando e compartilhando ambientes analíticos sofisticados e interativos para comunidades de usuários finais. Do mesmo modo, os usuários profissionais não técnicos poderão responder de forma mais rápida e fácil as perguntas específicas ou investigar e resolver determinados problemas.

No outro extremo, as soluções de S2BIA poderão aliviar a pressão sobre a equipe de TI, liberando-a para buscar novas formas de atender às crescentes demandas de informação e a busca por soluções para habilitar a efetividade organizacional. A informação é substrato imprescindível para as Organizações do século XXI, mas somente se puder ser acessada e descoberta o seu valor para o negócio, por meio de aplicações de análises rápidas sobre grandes volumes de dados e do gerenciamento de dados.

Os melhores ambientes de S2BIA otimizam a experiência do usuário através de um ambiente seguro, interativo, intuitivo e personalizado para acesso e análise de informações. Considerar esses critérios ao escolher uma ferramenta de análise de autoatendimento pode garantir que todos estejam tomando melhores decisões e de modo mais célere. As características mencionadas a seguir permitem escolher uma plataforma para suportar sua estratégia de análise de autoatendimento para inteligência de negócio:

Usabilidade:
    Uma interface intuitiva promoverá altos níveis de permeabilidade e maximizará o retorno do investimento.
Escalabilidade:
    A ferramenta de S2BIA deve tornar a análise disponível para um número maior de partes interessadas e criará um ambiente que atende tanto usuários avançados quanto usuários não técnicos.
Segurança de dados:
    A segurança dos dados é crucial quando se abre a análise para novas audiências.
Serviços de dados e integração:
    Os serviços de dados e a integração permitem que a TI habilite o ambiente de dados e abra todas as informações – desde sistemas internos como CRM, ERP e aplicativos legados, até meios como mídias sociais, nuvem, ambientes móveis – para todos os seus usuários finais.
Funcionalidade:
    Um amplo repertório de recursos entregues através de uma única plataforma integrada envolverá as necessidades exclusivas de vários tipos de consumidores de informações em sua organização.
Desempenho:
    Os usuários finais esperam um desempenho superior das soluções S2BIA, mesmo quando grandes volumes de dados são processados ou um alto número de consultas são geradas.
Personalização:
    A informação é verdadeiramente relevante quando os usuários podem adaptá-la às suas necessidades muito específicas. Oferecer aos usuários controle total sobre o que eles veem e como eles veem, tende a tornar as ferramentas de BI mais pervasivas.
Integridade de informação:
    Precisão, consistência e completude são importantes quando a informação é compartilhada com uma ampla base de usuários. Uma plataforma subjacente com gerenciamento de qualidade de dados totalmente integrada garante que todos os dados sejam oportunos, confiáveis e prontamente disponíveis para acesso de autoatendimento.
Voltar a página Inicial